ROMANICO

  • Temas do Romanico Português
    My Image

    Do Sagrado : Cruz, Arvore da Vida, Oficiantes
    De Origem Popular : Nós de Salomão, Serpente, Cão, Leão, Basílico, Harpia

    A escultura simbólica romanica era usada essencialmente nos capiteis, e tímpanos das igrejas. A simbologia variava de acordo com os diferentes portais de acesso ao templo : o portal oeste (axial) era entendido como Porta do Céu, o portal sul transmitia a presença de Cristo Salvador e o portal lateral norte assumia uma função dissuasora ao mal.

  • Representações Teofânicas
    My Image

    MAIESTAS DOMINI, ou PENTACRATOR - Cristo sentado na Glória do Céu, sentado num trono, dentro da mandorla, com um livro na mão esquerda e a direita a abençoar, ladeado de anjos, evangelistas (Tertamorfo) ou apóstolos.
    Este tema iconografia tem origem no Séc. V no Egipto. A versão ocidental teria aparecido em Tours França no séc. IX, em que os seres viventes iam acompanhados pelos profetas. O tema aparece pintado sobretudo nas absides pré-romanicas.

    Agnus Dei - Bravães
    Agnus Dei - S.Pedro Rates

    AGNUS DEI - Cordeiro de Deus ou Cordeiro crucifero (Apocalipse de S.João).
    Agnus Dei, é uma expressão utilizada no cristianismo para se referir a Jesus Cristo, identificado como o salvador da humanidade, ao ter sido sacrificado em resgate pelo pecado original. Na arte e na simbologia icónica cristã, é frequentemente representado por um cordeiro com uma cruz. A expressão aparece no Novo Testamento, principalmente no Evangelho de João, onde João Baptista diz de Jesus: "Eis o Cordeiro de Deus, Aquele que tira o pecado do mundo" (João, 1:29).
    Os hebreus tinham o costume de matar um cordeiro em sacríficio a Deus, para remissão dos pecados

  • O Portal Axial - Porta da Salvação
    My Image

    Tema da Anunciação : 1º grande acto da história da Salvação
    O portal de Bravães é, no contexto da arte românica portuguesa, o mais eloquente testemunho de portal como Porta do Céu ou como Porta da Salvação. Nesse sentido, o tímpano mostra uma Maiestas Domini, ou seja, Cristo na Glória do Céu, dentro de mandorla segura por dois personagens. Numa das arquivoltas figura-se o apostolado e, no seu seguimento, há duas estátuas-coluna onde se representa a Anunciação.
    No fuste da esquerda está representada a Nossa Senhora com a mão esquerda sobre o ventre o que, iconograficamente, se reporta a Nossa Senhora do Ó (ou Santa Maria de Ante-Natal), motivo muito glosa- do na escultura medieval hispânica. No fuste que fica à direita do observador está representado o Anjo São Gabriel, com barba. A estes elementos associam-se fustes onde se enroscam serpentes, outros por onde sobem quadrúpedes e ainda outros com aves tratadas à maneira de aduelas, constituindo todo este conjunto uma Porta da Salvação simbolizada pela Anunciação.

  • Temas de caracter Apotropaico (de proteção)
    Capitel - Rio Mau
    Gargolas - Rio Mau

    Epigrafe do portal lateral de S.Pedro das Águias roga "ao Deus dos Exércitos que defenda a entrada e a saída desse templo"

    Representação de animais terríficos - Colocados de proteção

    Representação de figuras sagradas

    Motivos geométricos e vegetalistas de caratcer Apotropaico

    O Sagrado é ambivalente : protege mas também castiga quem não o respeita